Blog do Canal da Brenda TV - Atividades infantis, brincadeiras, fidget toys, slimes e muito mais!

Acesse meu canal no YouTube
germinacao do feijao no algodao

Germinação do feijão no algodão – O que podemos aprender?

COMPARTILHE
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on facebook
Share on twitter
Escrito por
Fernanda C. Pereira
Data de publicação

A germinação do feijão no algodão é uma atividade muito usada na educação infantil, sendo um experimento pedagógico que pode trazer muitos ensinamentos para as crianças.

No post de hoje, vamos explicar como funciona as etapas da germinação do feijão, as fases da planta e quais são os benefícios para a educação dos pequenos. 

[vídeo] germinação do feijão no algodão – atividade escolar

Quais as etapas da germinação do feijão?

A germinação do feijão é um processo que compreende três fases, cada uma delas, é bem importante para que a planta cresça e se desenvolva. Conheça cada uma delas abaixo.

Etapa 01- Embebição

A primeira é a “embebição”, que consiste no umedecimento dos tecidos mais próximos à superfície; ou seja, a casca do broto. Nesta etapa, deve haver água suficiente para que todo o processo se complete.

etapas da germinação do feijão no algodão - dia 2
etapas da germinação do feijão no algodão – dia 2

Etapa 02- Indução do crescimento

Na segunda etapa, chamada “indução do crescimento”, há uma ativação do metabolismo e a formação de novos tecidos, processo indispensável que levará à terceira fase da germinação.

Dia 2 - indução do crescimento
Dia 2 – indução do crescimento

Etapa 03- Crescimento do eixo embrionário

Na etapa 3, o “crescimento do eixo embrionário”, ocorre a expansão celular que vai provocar a ruptura do grão e o aparecimento da raiz embrionária, também chamada “radícula”.

Dia 3 - crescimento do eixo embrionário
Dia 3 – crescimento do eixo embrionário
Dia 4 - crescimento do eixo embrionário
Dia 4 – crescimento do eixo embrionário
Dia 5 - crescimento do eixo embrionário
Dia 5 – crescimento do eixo embrionário
Dia 6 - crescimento do eixo embrionário
Dia 6 – crescimento do eixo embrionário

Como explicar a experiência do feijão do algodão?

A maioria das sementes, a exemplo do grão de feijão, é seca, mas sob a casca permeável possui uma reserva de nutrientes. 

A água contida no algodão, em contato com estes nutrientes, é o que faz o metabolismo funcionar, provocando a germinação no prazo de três dias e o surgimento da primeira folha 24 horas depois. 

Essa interação entre os nutrientes e a água é que precisam ser explicados às crianças, pois, sem o contato com a água e a luz do sol, a plantinha não desenvolve o seu crescimento.

Qual o objetivo de plantar feijão na educação infantil?

A atividade manual de plantação de feijão apresenta grandes benefícios na educação infantil, trazendo ensinamentos que envolvem várias questões ligadas ao desenvolvimento das crianças, que vão além do entendimento do processo biológico.

Incentivar a observação com o crescimento da planta 

Um dos benefícios da atividade de plantar feijão na educação infantil é o incentivo à observação através do acompanhamento do crescimento da planta.

As crianças acompanham a germinação dos grãos até a total formação da plantinha. Na experimentação da germinação de feijão no algodão, a criança verifica como a planta se desenvolve a cada dia, com o recebimento da água, temperatura e o contato com a luz do sol.

Ensinar a noção de tempo 

Como sabemos, a noção de tempo das crianças difere muito do adulto. Fazer com que a criança note a diferença no processo de germinação e crescimento da planta de um dia para o outro pode ser uma experiência de grande valor para a criança.

Ao ter uma noção mais exata da passagem do tempo, a criança identifica a importância das etapas e fases de um processo, configurando uma lição que poderá e deverá ser aplicada às atividades diárias e em todas as fases da vida.

Estimular o cuidado com o meio ambiente 

Acompanhar a germinação e o crescimento da planta fará a criança perceber o quanto é difícil para a natureza produzir e manter suas florestas, bosques, pastos e jardins, que formam o habitat de todos os seres vivos. 

Lembrar que para que o feijãozinho cresça e produza outros grãos demanda bastante tempo, ao contrário de arrancar ou cortar uma árvore, que pode ser executado em segundos e significa a morte da planta. Fazer com que ela perceba a necessidade da preservação é fundamental.

Promover a responsabilidade 

Ao plantar um feijãozinho no algodão e cuidar dele, a criança se sentirá responsável por aquele ser vivo que está brotando. 

Assim, é possível fazê-la perceber que, a exemplo de um bebê, que tem os pais como responsáveis, a planta também precisa de alguém que se responsabilize pela sua sobrevivência e pelo seu crescimento.

Por isso, a importância de acompanhar o seu processo, seguindo todas as etapas e recomendações para o cultivo do feijão.

Ajudar a despertar o interesse pelo cuidado

Para o plantio do feijão, será preciso explicar e orientar a criança para que todas as etapas sejam concluídas, inclusive, ensinar a importância das necessidades básicas da planta sejam satisfeitas: isto implica em quantidade de água adequada, exposição ao sol e prevenção de ataques de formigas e outros insetos.

Qual o tipo de germinação no feijão comum?

A germinação do feijão comum é chamada de Epígea, nome dado ao tipo de germinação na qual as folhas embrionárias das plantas (cotilédones) se erguem acima do solo. 

Ou seja, são as primeiras folhas que surgem do embrião, ficam visíveis ao solo, sendo parte fundamental para o desenvolvimento da planta.

Como é o processo de germinação do feijão?

O processo de germinação acontece pela interação entre os nutrientes contidos na semente com os fatores externos (água e luz), que juntos produzem moléculas orgânicas que promovem o metabolismo e o desenvolvimento da planta.

Além disso, outros fatores também influenciam na germinação, como: a temperatura, o oxigênio, permeabilidade envolta da semente e a dormência da semente.

Quais as fases da planta?

As fases de crescimento do feijão comum são sete, confira o que acontece cada uma delas abaixo: 

  1. Germinação: Começa pela absorção de água pela semente;
  2. Emergência: Abertura dos cotilédones até a aparição das folhas;
  3. Crescimento e desenvolvimento vegetativo: abertura das folhas;
  4. Florescimento: 50% das flores abertas;
  5. Frutificação: Murcha das flores e primeiras formações da vagem;
  6. Formação das sementes: Enchimento dos grãos
  7. Maturação: Secagem das vagens e aparecimento do brilho e cor do feijão.

Se você quer saber mais, no canal do youtube fizemos uma experimentação com a germinação do feijão, confira os resultados no vídeo abaixo e faça a experiência na sua casa.

[vídeo] germinação do feijão no algodão – atividade escolar

O que você achou do post?

Posts relacionados

Neste post você irá conhecer diferentes tipos de POP IT disponíveis no mercado, além...

Você sabe o que é ASMR? Um tipo de conteúdo que vem ganhando cada...

Estamos no mês de novembro e podemos notar a magia natalina em todos os...

Considerada a “plataforma da imaginação”, Roblox é um site que permite que os jogadores...